Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

 

 

REPORTAGEM SOBRE WUSHU - REVISTA NATIONAL GEOGRAPHIC - ANO 1974 

 

 

 

O artigo a seguir foi publicado em setembro de 1974, no 1º. Boletim Escolar National Geographic. Ele será apresentado aqui na sua integra, com o Pin Yin original usado para os nomes dos atletas à época. Seu titulo original é 中国武术 “zhōngguó wǔshù”, ou “Arte Marcial Chinesa”. As fotos originais associadas a esse artigo também estão inclusas.

 

Que espécie é essa de esgrima, box, defesa pessoal, dança e ginástica, mas que realmente não é igual a nenhuma dessas artes? A resposta para esse quebra cabeça chinês: Wushu.
 
Um termo mais amplo que Kung fu, Wushu cobre todas as formas das artes marciais chinesas. Li Lien-chieh pratica a forma de wushu que ele mais gosta, exercitando-se com um facão.
 
Entrevistados após uma recente demonstração no Centro John F. Kenedy em Washington, Li Lien-chieh de 11 anos, e seus colegas de time Lu Yen (10 anos) Lu Yan e Ts’ui Ya-hui, (12 anos) falam sobre Wushu.
 
 
O que significa a palavra Wushu? 
 
Ts’ui Ya-hui: Nós temos contato com a palavra desde muito cedo. Ela significa o esporte tradicional chinês. Ele é também um legado cultural.
 
 
Onde a maioria dos chineses aprendem Wushu? 
 
Yu Tien-t’ang (o técnico): Wushu é um esporte muito popular na China. Ele é praticado de diversas formas. Em muitas famílias, avós ensinam as crianças. Nas escolas, faz parte do programa de esportes. Os alunos podem escolher dentre basquete, natação ou Wushu. Nas áreas rurais o Wushu é estudado nas comunas populares, iguais aos seus centros de recreação.
Ts’ui Ya-hui: O Wushu permite todos os tipos de treinamento. Nós estudamos Wushu porque ele nos proporciona boa saúde, bom espírito, forte determinação e boa esportividade.
 
 
As demonstrações de wushu são realizadas sempre em eventos formais ou elas, as vezes, são realizadas em eventos esportivos?
 
Li Lien-chieh: Não, não sempre em eventos formais. Nós realizamos apresentações para amigos estrangeiros ou em fábricas para os trabalhadores.
 
 
Sua execução é perigosa?
 
Ts’ui Ya-hui: Se você se concentrar e fizer seus exercícios de aquecimento de forma satisfatória, não é perigoso. Se você não se preparar bem, você pode se machucar.
 
 
As lutas combinadas são rotinas preparadas?
 
Ts’ui Ya-hui: Sim, nós trabalhamos muito duro com o outro para saber o que esperar.
 
 
Como vocês foram escolhidos para a turnê?
 
Lu Yen: Os 32 atletas foram escolhidos dentre pessoas de toda a China no campeonato nacional. Nas finais do campeonato o Wushu é pontuado, como a patinação de apresentação. Existem determinadas rotinas , ou exercícios, que todos devem aprender e então ser avaliados. Então, eles são pontuados na rotina que eles criaram.
 
 
Os filmes de arte marciais são populares na China?
 
Li Lien-chieh: Nós nunca assistimos nenhum.
 
 
O que vocês querem ser quando crescerem?
 
 
Li Lien-chieh: Eu serei um oficial no Exército Popular, defendendo minha terra natal.
Ts’ui Ya-hui: Eu quero ser um operário.
Lu Yen: Eu quero me tornar uma médica.
 
 
Do que vocês mais gostaram em sua turnê por cinco cidades americanas?
 
Ts’ui Ya-hui: Fazer amigos que foram muito calorosos conosco. 
 
Quando perguntada, “Os exercícios de Wushu são relaxantes? O que você pensa enquanto está no palco?” Lu Yen respondeu “No palco, durante as apresentações, nós estamos com pensamento firme, concentrando nossas mentes. Em seguida, nós nos sentimos relaxados.”
 
 
Foto 1: Em um final dramático, Lu Yen luta com Li Lien-chieh e Ts'ui Ya-hui armados com lanças. Os três jovens membros do grupo de Wushu giram, rodopian e se esquivam em uma beleza controlada que simula uma batalha dramática.Foto 1: Em um final dramático, Lu Yen luta com Li Lien-chieh e Ts'ui Ya-hui armados com lanças. Os três jovens membros do grupo de Wushu giram, rodopian e se esquivam em uma beleza controlada que simula uma batalha dramática.
 
 
 
Foto 2: Lu Yen mostra grande concentração em sua face enquanto evita os golpes de lança.Foto 2: Lu Yen mostra grande concentração em sua face enquanto evita os golpes de lança.
 
 
 
Foto 3: Os dois garotos praticam as sequencias em dupla, tão bem na turnê quanto a praticam em casa. Os dois garotos acompanham a equipe da Escola de Esportes de Pequim por uma hora e meia por dia.Foto 3: Os dois garotos praticam as sequencias em dupla, tão bem na turnê quanto a praticam em casa. Os dois garotos acompanham a equipe da Escola de Esportes de Pequim por uma hora e meia por dia.
 
 
 
Entrevista de Patricia N. Holland
Tradução: Prof. Marcos Rogerio de Souza



Nota do tradutor: 
O jovem Li Lien-chieh mencionado na reportagem é nada menos que o grande astro Jet Li. A romanização dos nomes do idioma chinês foi mantida como na reportagem original, não utilizando-se do sistema oficial de romanização adotado na Republica Popular da Chiina (Han Yu Pin Yin).

 
 
 
 


Dúvidas/Sugestões? Entre em contato:
contato@sunbin.com.br
marcos@sunbin.com.br